SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL:A GESTÃO PARTICIPATIVA DA POLÍTICA PÚBLICA POR INTERMÉDIO POR INTERMÉDIO DE SEUS FÓRUNS

Maria Cristina Mesquita da Silva, Ilka Márcia Ribeiro de Souza Serra, Renato de Oliveira Brito

Resumo


Por meio deste estudo buscou-se demonstrar os desafios do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB) quanto aos aspectos relacionados à sua gestão, entendendo-se como indispensável o fortalecimento de ações de caráter  participativo, as quais permitam o real envolvimento dos sujeitos atuantes na política pública e por ela contemplados. Trata-se de um exercício reflexivo realizado a partir de análises normativas, documentais e bibliográficas, com o qual se busca compreender as contribuições dos diversos fóruns, criados ao longo da história do Sistema UAB. Os dados analisados são originários dos Censos da Educação Superior, do Sistema de Gestão da UAB, assim como de documentos e relatórios da CAPES relacionados à política pública. Considerando o atual contexto de discussão que se encerra no cenário nacional, sobre a extinção e possibilidade de recriação dos colegiados deliberativos (Decreto n.º 9.759/2019) este estudo pretende avançar para uma discussão amplificada no tocante aos aspectos participativos da gestão do Sistema UAB com foco em suas conformações, suas contribuições e os desafios para a melhoria da educação pública brasileira.


Palavras-chave


Universidade Aberta do Brasil (UAB); Gestão Participativa; Colegiados Deliberativos; Fóruns.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1